Segundo informações do site Valor Econômico, os membros do Comitê de Política Econômica do Banco Central – COPOM – elevaram de 2,66% para 2,7% a expectativas de crescimento do Produto Interno Bruto – PIB – brasileiro em 2018; as projeções para 2019 foram mantidas em 3%.

A surpresa do dia foi a projeção de aumento da taxa Selic. Depois de uma série histórica de 11 baixas seguidas, fechando hoje em 6,75%, o COPOM informa que poderá haver reação reversa e o índice poderá terminar 2019 em até 8%, já que o IPCA – índice oficial de inflação – também ser calculado para cima para o próximo ano, a uma expectativa de 4%.

Fonte: ABRAS