Flávio Cotini ponderou que a empresa está confiante em relação a retomada da economia, embora persista um sentimento de cautela

O varejo no Brasil enfrenta uma crise há quase 15 semestres e ainda não saiu completamente dela, disse Flávio Cotini, presidente do Walmart Brasil. Ele ponderou que a empresa está confiante em relação às perspectivas de retomada da economia, embora persista um sentimento de cautela. “Estamos confiantes e alertas…

O desafio é grande”, afirmou o executivo, nesta segunda-feira (4/12), durante Seminário Brasil 2018, organizado pela Amcham (Câmara Americana de Comércio), em São Paulo.

Além da retração da atividade econômica e do desemprego, ele destacou que a deflação nas commodities como resultado da safra recorde de cerca de 200 milhões de toneladas de grãos no Brasil adicionou pressão sobre o varejo.

No caso do Walmart Brasil, Cotini disse que o grupo se empenhou em uma revisão de portfólio e lojas para atravessar a crise no País. “É a primeira em que o consumidor deixou de consumir antes da queda na renda”, lembrou.

Fonte: Agência Reuters